terça-feira, 29 de novembro de 2011

Fábrica de Roteiros - Encontro com Pedro Maia

O elenco é a cara de um filme. A escolha do ator que representará cada papel é uma questão estética. E é a partir dessa escolha que se determina o ritmo da trama. Existem diversos métodos de preparação de atores e todos convergem para uma abordagem subjetiva e uma relação de confiança mútua entre ator e diretor.

Para garantir o bom funcionamento da história, é importante analisar as relações entre personagens, entre personagens e espaço e as ações físicas de cada um. A partir dessa análise, se estabelecem formas de trabalhar com o elenco.

No dia 28/11, segunda-feira, aconteceu o último encontro preparatório da Fábrida de Roteiros NPD com o ator e diretor de atores Pedro Maia. 


Tendo trabalhado com preparação e direção de atores em diversos curtas metragens de escolas de cinema, Pedro dividiu sua experiência com os roteiristas realizando exercícios, comentando cada trama e problematizando questões relativas a cada personagem.


Pedro mostrou a importância de se conhecer bem cada personagem para orientar o ator a fim de se alcançar o objetivo esperado. Além disso, deu sugestões de referências teóricas que podem auxiliar nessa preparação.

sábado, 26 de novembro de 2011

Fábrica de Roteiros - Encontro com Eduardo Mendes

O som é uma ferramenta fundamental na construção fílmica: realça e influencia o clima de cada trama.

Dependendo da intenção de cada projeto, o som pode ser naturalista, realista, hiper-realista, expressionista ou uma junção destas abordagens. Na abordagem naturalista, o som pontua as ações imagéticas; na realista, o som direciona o ouvido do espectador; na hiper-realista, o som não condiz com a imagem; e na expressionista, assim como na última, o som se distancia da imagem, porém, apresenta distorções e contradições maiores.

Eduardo Mendes, nono convidado da Fábrica de Roteiros, apresentou estes conceitos aos participantes do projeto. Como exercício, mostrou a eles a abertura do filme Lavoura Arcáica, sem a imagem. Tentaram imaginar como seria essa imagem e depois viram a cena completa: com os elementos sonoros e imagéticos, que surpreenderam a todos






Antes de concluir,  Eduardo analisou os 5 roteiros desmembrando os aspectos sonoros relevantes para a estruturação narrativa. Suas dicas serão muito preciosas quando os participantes da Fábrica de Roteiros estiverem filmando suas tramas, mas algumas delas já podem ser utilizadas nesse primeiro momento, para enriquecer ainda mais seus roteiros. 




sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Fábrica de Roteiros - Encontro com Cavi Borges

Nesta quarta-feira (23/11), Cavi Borges foi o convidado do encontro realizado na Fábrica de Roteiros.

Ele falou sobre suas experiências na área cinematográfica e como se tornou um produtor. Comentou que na produção de um filme é necessário realizar um bom planejamento para diminuir as situações imprevistas e, assim, poupar tempo e dinheiro.


Evidenciou a importância de uma equipe harmônica e com vontade de produzir, de uma rede de contatos e de uma ampla divulgação da obra audiovisual. 

Depois, analisou os roteiros. Colocou questões e fez sugestões para uma maior facilidade no processo de realização de cada narrativa.   

Por fim, se dispôs a ajudar nas produções dos curtas-metragens. Disponibilizou contatos e locações.


quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Fábrica de Roteiros - Encontro com Maurício Bragança


O sétimo encontro da Fábrica de Roteiros contou com a presença de Maurício Bragança, professor do Departamento de Cinema e Audiovisual da Universidade Federal Fluminense.




Ele falou sobre foco narrativo da estrutura cinematográfica e como isso pode determinar construções diferentes de uma mesma história. Ressaltou a importância da relação entre cinema e literatura e apontou a proximidade com o viés literário dos roteiros Mãos DadasAnjo Passo Livre, de Lise Bastos, Sérgio Cascaes e Dilcea Maria, respectivamente.

Apresentou dois contos, Dentro do Bosque, de Yabu No Naka, referência para o filme Rashomon, de Akira Kurosawa; e A solução, de Clarice Lispector. Com este último conto, Maurício exercitou com os participantes a possibilidade de narrar a história sob o ponto de vista de outra personagem, que não seja o foco narrativo. Esta atividade possibilitou aos roteiristas observar em seus próprios roteiros nuances e perspectivas narrativas que podem estar contidas em outros personagens não totalmente explorados.

Por fim, Maurício propôs que os participantes fizessem uma subversão com os seus roteiros, contassem a história a partir do ponto de vista de um personagem considerado secundário, através de uma ótica contrária à narrativa explorada pelo roteiro.




terça-feira, 22 de novembro de 2011

Fábrica de Roteiros - Encontro com Bia Marques

Nesta sexta-feira (18/11), os participantes da Fábrica de Roteiros conversaram com a diretora de fotografia Bia Marques.



Ela introduziu o encontro com o documentário Iluminados. Nele, os fotógrafos Dib Lufti, Edgard Moura, Fernando Duarte, Mario Carneiro, Pedro Farkas e Walter Carvalho contam um pouco de suas trajetórias no cinema e iluminam, todos, a mesma cena.  Com este processo, o espectador percebe os diferentes efeitos de cada iluminação.

Após o documentário, Bia falou como a direção de fotografia é crucial na construção do elemento dramático do filme. Para atuar como um  diretor de fotografia é necessário dominar a técnica para deixar fluir a criação artística.

Os cinco roteiristas também levaram fotografias como referências visuais. Bia Marques comentou as fotos levando em consideração a particularidade de cada trama e a intenção de cada autor.



quinta-feira, 17 de novembro de 2011

25 anos de Nós do Morro

Comemorando os 25 anos do coletivo Nós do Morro, a People's Palace Projects junto com o British Council apresentam Fórum Shakespeare.

O evento acontece entre 18 e 25 de novembro.

Para maiores informações, clique nos convites abaixo.


quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Fábrica de Roteiros - Encontro com Índia Martins


A direção de arte é uma área fundamental na caracterização e composição de um filme. Através da concepção visual, o diretor de arte trabalha para transmitir a idéia e a atmosfera central do roteiro.

Nesta segunda-feira (14/11), Índia Martins conversou com os roteiristas da Fábrica de Roteiros e demonstrou como eles podem utilizar a arte de uma obra audiovisual em benefício da trama.



Ela falou sobre a composição dos painéis e da colorização no primeiro cinema, até chegar aos conceitos das técnicas mais avançadas com o uso da computação gráfica.

Os roteiristas também aprenderam o papel do production designer, pessoa responsável por todo o aspecto visual de um filme, tanto na pré-produção/produção quanto na pós.

Por fim, os cinco participantes iniciaram uma análise técnica dos seus respectivos roteiros. Após finalizadas, as análises serão enviadas para o e-mail de Índia. 



segunda-feira, 14 de novembro de 2011

Mostra UFFilme no NPD-Niterói


Nesta quarta-feira (16/11) haverá a exibição de curtas da Mostra UFFilme.

Participarão desta sessão os filmes selecionados através de uma enquete pelo site: mostrauffilme2011.wordpress.com 

A exibição é gratuita e está marcada para começar às 19 horas no NPD.

Não deixem de comparecer.

domingo, 13 de novembro de 2011

Fábrica de Roteiros - Encontro com Tunico Amâncio

O quarto encontro da Fábrica de Roteiros contou com a presença de Tunico Amâncio, curtametragista e professor de Argumento e Roteiro na Universidade Federal Fluminense.  


O professor falou da necessidade do autor desenvolver melhor a estrutura e a trama do seu texto após o primeiro tratamento.

Os participantes aprenderam tanto os conceitos sobre as estruturas e as convenções clássicas de formatação e construção da ação dramática, quanto os conceitos de um modelo oposto, que rompe com esta narrativa tradicional e propõe outras formas de desenvolvimento.

No modelo clássico, a trama é desenvolvida por conflitos e pontos de virada que fazem o espectador acreditar na lógica da história. Já com o rompimento desta estrutura, o autor provoca o espectador e o faz refletir sobre o processo de realização do filme, transformando-o em um participante ativo. Tunico citou alguns filmes como exemplo deste rompimento: O Sanduíche (2000), Recife Frio (2009) e Violência Gratuita (1997).

Por fim, houve uma análise dos cinco roteiros participantes. Tunico apresentou diversas idéias para uma melhor estruturação das tramas construídas.




sexta-feira, 11 de novembro de 2011

"Luto Como Mãe" no Cineclube NPD

Inaugurando o novo horário do Cineclube NPD, a sessão de Novembro aconteceu nessa quarta-feira às 15h.

O longa exibido foi Luto Como Mãe, de Luis Carlos Nascimento. O documentário conta a história de um grupo composto maioritariamente por mulheres que perderam familiares executados por agentes do Estado do Rio de Janeiro. Ele acompanha 5 mulheres desse grupo no rito de passagem do luto à luta por justiça e contra a invisibilidade. 

A convidada da tarde foi Mércia Britto, produtora executiva do filme, que contou um pouco da experiência que teve durante os cinco anos de pesquisa e realização do documentário.


Foto: Raquel Dias


O Cineclube NPD acontece toda primeira quarta-feira do mês às 15h.

terça-feira, 8 de novembro de 2011

Fábrica de Roteiros NPD - encontro com Cris D'Amato

Foi realizado ontem o terceiro encontro da FÁBRICA DE ROTEIROS NPD, com a participação da diretora Cris D'Amato.


Dirigir um roteiro exige cumprir etapas como ensaiar os atores, decupar as cenas, escolher as locações e a mídia em que se deseja gravar.

Cris falou sobre a importância de se realizar a análise técnica de um roteiro, pois é a partir dela que se consegue determinar o custo de uma produção.

Os roteiristas aprenderam a fazer um plano de filmagem e a partir das orientações de Cris, já prepararam os seus, realizando assim um primeiro cálculo de quanto tempo precisarão para filmar.



segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Cineclube NPD - novembro

A sessão de novembro do Cineclube NPD inaugura seu novo horário. A partir deste mês, os encontros acontecerão às 15h.

Marcada para o dia 9/11 por conta do feriado no dia 2/11, a sessão trará o documentário "Luto como mãe", de Luis Carlos Nascimento.
A convidada da tarde é a produtora executiva do filme, Mércia Britto.

Clique no cartaz abaixo para maiores informações.


domingo, 6 de novembro de 2011

10° REcine celebra a Itália nas produções nacionais

A décima edição do REcine celebra a presença italiana nas produções nacionais com a exibição recorde de 187 filmes!

Maires informações no cartaz abaixo.


sábado, 5 de novembro de 2011

Mostra UFFilme 2011

Os alunos do curso de Cinema e Audiovisual da Universidade Federal Fluminense exibem, a cada ano, suas produções em uma mostra independente.

A Mostra UFFilme 2011, que conta com apoio do NPD Niterói em sua realização, exibirá os curtas-metragens escritos, produzidos e filmados pelos alunos entre os dias 7 e 11 do mês de novembro, à partir das 18h no Anfiteatro do Instituto de Arte e Comunicação Social - IACS/UFF.

Além dos filmes, a mostra traz debates com os realizadores, entre outras atividades.

Para maiores informações, clique no cartaz abaixo.


sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Fábrica de Roteiros NPD - encontro com Cezar Migliorin

O segundo encontro da FÁBRICA DE ROTEIROS NPD contou com a presença de Cezar Migliorin, professor do Departamento de Cinema e Video da UFF.



Por meio de diversas dinâmicas e exercícios, os roteiristas  escolheram para seus filmes cores, texturas, sons, objetos, movimentos de câmera e cortes para caracterizar seus filmes. Esse exercício, segundo Cezar, ajuda os roteiristas a criar uma essência para seus filmes, o que facilita muito o processo da escrita.


Outra atividade proposta por Cezar, foi uma encenação de um diálogo marcante de seu texto. Dessa maneira, conheceriam melhor a intenção e características psicológicas de cada personagem, podendo repensar, com isso, alguns diálogos de seus roteiros.





Cezar encerrou sua participação no Laboratório de Roteiros explicando o conceito de ideia audiovisual que precisa ser desenvolvido na hora de escrever o projeto de um filme, pois é a partir do profundo conhecimento dessa ideia que se consegue traduzir um filme em palavras seja no roteiro ou no projeto.

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Ciclo de palestras NPD

No mês de outubro, o NPD ofereceu quatro palestras sobre temas atuais relacionados ao audiovisual, à escrita e à fotografia.

A primeira palestra foi no dia 03 de outubro, sobre Tratamento e Manipulação Digital de Arquivos RAW. Marcelo Feitosa foi o palestrante e falou sobre a enorme possibilidade de tratar uma imagem quando se fotografa neste formato, além de citar os softwares para este objetivo.

A segunda palestra foi no dia 10, sobre a plataforma de financiamento coletivo MEDIAFUNDMARKET.com. Adriana Dutra foi a palestrante e comentou o estímulo à comercialização do conteúdo audiovisual.

A terceira palestra ocorreu no dia 19, com Ernani Mattos, sobre autoração de DVDs. Ele explicou as possibilidades de criação de Menu com o software Adobe Encore.

Por último, no dia 24, Antonio Hermida deu a palestra sobre eBook. Apresentou o formato EPUB, considerado a melhor configuração para a criação de um livro digital e detalhou as possibilidades de mercado na área.


 Fotos: Raquel Dias 

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Fábrica de Roteiros NPD - Abertura com David França Mendes

O primeiro encontro da FÁBRICA DE ROTEIROS NPD aconteceu na segunda feira, dia 31/10. Na abertura do Laboratório, o roteirista David França Mendes ouviu as apresentações de cada um dos participantes e comentou cada trama. Ao longo do encontro, deu sugestões de como enriquecer os textos apresentados.

Juntos, David e os cinco roteiristas discutiram e repensaram trechos das estruturas narrativas que poderiam ser alterados a fim de melhorar a qualidade de seus roteiros.

Foto: Raquel Dias


David França Mendes é o tutor da edição 2011 da FÁBRICA DE ROTEIROS NPD e acompanhará Dilcéa, Elisa, Lise, Sérgio e Vinícius nos tratamentos de suas obras até o fim do mês de novembro.

terça-feira, 1 de novembro de 2011

Pontão de Cultura inicia atividades

Hoje, 1° de novembro, o Pontão de Cultura Audiovisual Rapsódia Ausente inicia suas atividades virtuais de ensino à distância.

Clique no cartaz abaixo para maiores informações ou acesse o site www.animatographo.org.br