O roteiro “Mãos Dadas”, escolhido na Fábrica de Roteiros de 2011, entrou em processo de pré-produção no início deste ano. A partir da escolha do roteiro, o NPD partiu para a elaboração de oficinas de funções cinematográficas, nas quais seriam escolhidos os integrantes da equipe técnica do filme. Formada a equipe, a produção iniciou a junção dos departamentos e a preparação da pré-produção do filme. Através de reuniões de equipe, o primeiro passo foi a montagem de um conceito e a escolha de uma linguagem cinematográfica a ser explorada. Neste ponto, foi fundamental a integração da equipe. O segundo passo foi a visita de locação, quando houve a construção dos planos e concepções visuais a serem utilizadas, além da construção da estrutura técnica para o uso dos equipamentos. A partir dessas visitas foi realizada a decupagem do filme, a análise técnica, estabelecido o plano de filmagem e, posteriormente, a ordem do dia.

Os passos seguintes foram explorados pela equipe de produção, com a busca de apoios para locações, transporte, alimentação e materiais de uso no set. A equipe então, decidiu buscar o financiamento colaborativo através do “Catarse”, um site que serve de vitrine para projetos de arte e que recebe doações de amigos e pessoas interessadas em ajudar o projeto.  A meta era conseguir 3 mil reais, atingida e superada pelo filme: 3 mil e trezentos reais foram arrecadados. Mais reuniões foram realizadas para definir o orçamento de cada equipe e, assim, foi dividido o valor da produção.

 
Foto: Clara Grivicich

 O filme conseguiu também, o apoio da Universidade Federal Fluminense, através do empréstimo de equipamentos e do fornecimento de alimentação integral para 4 dias de filmagem por meio do Bandejão. A INFRAERO e o Aeroporto Internacional Tom Jobim (Galeão) também apoiaram a realização do filme isentando o pagamento de quaisquer taxas para a filmagem em suas instalações. A partir daí, foram definidas as datas de filmagem. Conseguidos os apoios, a produção partiu iniciou os ensaios com os atores nas locações escolhidas para o filme. Esta opção foi feita pela equipe de direção para que houvesse maior familiaridade dos atores com os locais nos quais iriam trabalhar, assim como para que as ações e interpretação do roteiro não ficassem engessadas.
 

Paralelamente às ações de produção e aos ensaios, a equipe técnica visitou a Link Digital, finalizadora que trabalha com a pós-produção através da correção de cores e outros processos de finalização audiovisual. Na visita, a equipe de fotografia e direção se informou sobre a melhor maneira de filmar para simplificar a finalização do curta-metragem. A visita foi divertida e esclarecedora,  integrando as etapas de produção do filme, diminuindo assim para a equipe, o número de imprevistos possíveis. A Link Digital se disponibilizou para ajudar com a correção de cor do curta.

Após todo este processo de pré-produção, as filmagens de Mãos Dadas serão realizadas na semana que vem. Vamos torcer para que seja um grande sucesso!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O mundo das pessoas com Síndrome de Down é tema do próximo Cine Debate

Cine Nikiti discute a violência urbana no doc "Mataram Meu Irmão"

Niterói debate meio-ambiente e crise hídrica brasileira na Biblioteca Pública de Niterói